logo-site
loading...

Sou fã do Racionais desde de moleque, e hoje conheci uma pagina muito massa de meme do Mano Brown.

Show de bola, confira uns memes da pagina e veja muito mais na pagina https://www.facebook.com/MemeBrownBR

Continue Lendo…

Um boêmio amante de mulher, uma boa destilada e um bom papo de buteco.
Sofre de síndrome de geminiano (quem é de Gêmeos sabe).
Odeia confusão e fuxico.
Frase: “Lasquei em banda!”. (ou “Lasquei em Cruz”)
Gostou do Post? Compartilhe:

Que orgulho, vi Pablito surgir e vencer, e quando vejo esse clipe fruto de trabalho de um guerreiro que lutou pelo seu sonho, fico feliz 😉

Ser Baiano é outras palavras 

Um boêmio amante de mulher, uma boa destilada e um bom papo de buteco.
Sofre de síndrome de geminiano (quem é de Gêmeos sabe).
Odeia confusão e fuxico.
Frase: “Lasquei em banda!”. (ou “Lasquei em Cruz”)
Gostou do Post? Compartilhe:

FitDance mostra como é a coreografia Bumbum no paredão de Léo Santana…
Lembrando que carnaval já foi, maaaaas aqui! é Bahia e São João ta chegando…
Se vc não sabe, o baiano gosta de carnaval mas São João gostamos mais que qualquer festa…
São João é minha paixão, além de baiano eu faço aniversario no mês mais esperado da Bahia JUNHO!!!

Enfim vamos ver o Bumbum no Paredão.

Um boêmio amante de mulher, uma boa destilada e um bom papo de buteco.
Sofre de síndrome de geminiano (quem é de Gêmeos sabe).
Odeia confusão e fuxico.
Frase: “Lasquei em banda!”. (ou “Lasquei em Cruz”)
Gostou do Post? Compartilhe:

Martinho da Vila faz faculdade de Relações Internacionais no Rio, aos 79 anos

Devagar, devagarinho, Martinho da Vila vai chegando lá. Cantor, compositor, poeta e escritor, o músico de 79 anos mostra que nunca é tarde para aprender e voltou às salas de aula. Ele é aluno do 5º período do curso de Relações Internacionais de uma universidade particular na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.
Bastante aplicado, Martinho se destaca nas aulas por ser extremamente inteligente e dedicado. Esse é o primeiro curso universitário do cantor, que é autor de 14 livros com temas que variam sobre Brasil, política, samba e escravidão.
Procurado pelo EXTRA, o sambista contou que escolheu o curso de RI por causa do seu trabalho como embaixador da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).
“Já pratico relações internacionais há muito tempo, mas eu queria pegar um pouco de conhecimento mais teórico”, explica. “Na faculdade, eu sou um aluno de conhecimento, um ouvinte. Faço os trabalhos que todos fazem, cumpro uma carga horário, mantenho a frequência nas aulas, mas não preciso fazer prova”.
Ele releva ainda que sua atitude de voltar a estudar tem servido de exemplo para muita gente retornar às salas de aula.
“Várias pessoas de uma certa idade, até de 50 anos, que tinham vontade de fazer um curso superior, mas que não tinham muita coragem, chegam e falam que foram incentivados por mim a estudar. E isso é bacana. Conhecimento nunca é demais”. via Extra

 

Então a musica da sexta vai ser na voz dele, Sextou, Martinho da Vila…

Um boêmio amante de mulher, uma boa destilada e um bom papo de buteco.
Sofre de síndrome de geminiano (quem é de Gêmeos sabe).
Odeia confusão e fuxico.
Frase: “Lasquei em banda!”. (ou “Lasquei em Cruz”)
Gostou do Post? Compartilhe: